domingo, 30 de dezembro de 2012

Anjos de Guarda



Quem cuida de seu filho quando ele não está sob seus olhos?
Você diz que, na escola, os professores são os responsáveis; que em seu lar, você tem uma babá igualmente responsável.
Enfim, você sempre acredita que alguém, quando você não estiver por perto, estará de olho nele.
Parentes, amigos, contratados à parte, há, também, uma proteção invisível que zela por seu filho.
Você pode dizer que é seu anjo de guarda, seu anjo bom. A denominação, em verdade, não importa.
O que realmente se faz de importância é esta certeza de que um ser invisível debruça sua atenção sobre seu filho, onde quer que ele esteja.
E também sobre você. Não se trata de uma teoria para consolar as mães que ficam distantes de seus filhos longas horas.
Ou para quem caminha só nas estradas do mundo. Refere-se a uma verdade que o homem desde muito tempo percebeu.
Basta que nos recordemos de gravuras antigas que mostram crianças atravessando uma ponte em mau estado, sob o olhar atento de um mensageiro celeste.
Ou que evoquemos o livro bíblico de Tobias, onde um anjo acompanha o jovem em seu longo itinerário, devolvendo-o ao pai zeloso, são e salvo.
É doce e encantador saber que cada um de nós tem seu anjo de guarda. Um ser que lhe é superior, que o ampara e aconselha.
É ele que nos sussurra aos ouvidos: Detenha o passo! Acalme-se! Espere para agir!
Ou nos incentiva: Vá em frente! Esforçe-se! Estou com você!
É esse ser que nos ajuda na ascensão da montanha do bem. Um amigo sincero e dedicado, que permanece ao nosso lado por ordem de Deus.
Foi Deus quem aí o colocou. e ele permanece por amor de Deus, desempenhando o que lhe constitui bela, mas também penosa missão.
Isso porque em muitas ocasiões, ele nos aconselha, sugere e fazemos ouvidos surdos. Ele se entristece, nesses momentos, por saber que logo mais sofreremos pela nossa rebeldia.
Mas não afronta nosso livre-arbítrio. Permanece à distância, para agir adiante, outra vez, em nova tentativa.
Sua ação é sempre regulada, porque se fôssemos simplesmente teleguiados por ele não seríamos responsáveis pelos nossos atos.
Também não progrediríamos se não tivéssemos que pensar, reflexionar e tomar decisões.
O fato de não o vermos também tem um fim providencial. Não vendo quem o ampara, o homem confia em suas próprias forças.
E batalha. Executa. Combate para alcançar os objetivos que pretende.
Não importa onde estejamos: no cárcere, no hospital, nos lugares de viciação, na solidão, ele sempre estará presente.
Esse anjo silencioso e amigo nos acompanha desde o nascimento até a morte. E, muitas vezes, na vida espiritual.
E mesmo através de muitas existências corpóreas, que mais não são do que fases curtíssimas da vida do Espírito.
* * *
Você pode ter se transviado no mundo. Quem sabe, perdido o rumo dos próprios passos.
Pense, no entanto, que um missionário do bem e da verdade, que é responsável por você, pela sua guarda, permanece vigilante.
Se você quiser, abra os ouvidos da alma e escute-o, retomando as trilhas luminosas.
Ninguém, nunca, está totalmente perdido neste imenso universo de almas e de homens.
Pense nisso!

Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_31

sábado, 29 de dezembro de 2012

As Raízes do Comportamento


Você já sentiu sono ao tentar ler um livro? Sente sono sempre que vai assistir uma palestra?

Isso é tão comum entre as pessoas hoje em dia e se deve a um problema simples de ser resolvido.

No vídeo abaixo, vemos uma palestra muito interessante que nos esclarece sobre esse tema e que nos dá dicas de como prevenir doenças como por exemplo o mal de alzaimer.

LAR DE FREI LUIZ
Palestra: AS RAÍZES DO COMPORTAMENTO E A VISÃO ESPÍRITA
Palestrante: ANETE GUIMARÃES.
Realizada no Teatro Dr.Joaquim Vicente de Almeida no Lar de Frei Luiz

Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_29

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Positivismo


  Esse é o pensamento que cada um de nós deve exercer todos os dias, pensar no melhor para o próximo. Se cada um fizesse isso, imaginem só, cada pessoa com quem você se encontrasse na rua, no trabalho, na escola pensasse assim por você, receberíamos uma cascata de boas vibrações.

  E se nós pensarmos assim iremos doar boas vibrações para os que necessitam também, atuando com amor na caridade do pensamento benéfico ao próximo.

  Faça o teste, experimente doar luz e amor ao teu próximo, verás que até o mais mau-humorado ou colérico há de se render as tuas boas vibrações. Faça isso todos os dias para que o ambiente ao teu redor se ilumine com a benção da paz do Criador.

  E que Deus abençoe e ilumine o seu caminho, e que nele você encontre muita alegria! São os votos de quem o ano todo lhe dirigiu boas mensagens, vídeos  instrutivos, amor e paz nesse trabalho aqui.


quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Ano Novo


  O ano passa, a vida passa, mas não mudamos... Cobramos sempre um ano melhor, novas oportunidades, mais dinheiro, mais trabalho, mais felicidade. Nada fazemos para obter isso e muito menos para sermos merecedores de obtermos isso. Apenas pedimos...

  Todo fim de ano é assim, as pessoas pulam ondas, fazem rituais, dão oferendas, fazem simpatias, promessas, mas não mudam. Os velhos erros do passado continuam no ano que se inicia.

  Se quer melhorar, se quer mudar sua vida, se quer ser feliz, faça valer a pena. Não repita os erros, mas recomece fazendo certo. Se quer um trabalho melhor, estudo para ser digno de merecê-lo, se quer mais dinheiro, pare de gastar com coisas supérfluas, se quer ser feliz, pare de magoar quem te ama.

  Ano novo, novas oportunidades, é hora de refletirmos bem sobre o que faremos e não só refletirmos, mas colocarmos em prática tudo o que desejamos melhorar em nós.

  Deus abençoe a todos!

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Intuição, Inocência e Fé





A intuição nos guia pelas palavras de nosso anjo protetor ao caminho do progresso e do amor. Bendito é aquele que silencia sua voz para fazer-se ouvir a voz da consciência, interrogando-a para obter uma opinião sensata antes de orgulhosamente agir por si só.

A inocência nos faz transparecer a sinceridade, a humildade e a vontade de sermos felizes. O Cristo sempre nos avisou para sermos como crianças, para vivermos da pureza do amor, para sermos como os pequeninos que buscam a Jesus e a Deus sem os pensamentos poluídos dos adultos.

A fé é a linha de luz que nos guia para a certeza de um amanhã melhor. Ter fé é ter confiança em Deus, na vida e na humanidade. De nada adianta perder a fé, pois sem ela não daremos um só passo na direção correta. A fé e o amor caminham juntos, trazem de volta a esperança e nos apresentam a verdadeira felicidade.

domingo, 23 de dezembro de 2012

Lei de Destruição

Livro dos Espíritos

Questão nº 728

A destruição é uma lei natural?

– É preciso que tudo se destrua para renascer e se regenerar. O que
chamais destruição é apenas transformação que tem por objetivo a reno-
vação e o melhoramento dos seres vivos.

Questão 732

A necessidade de destruição é a mesma em todos os
mundos?

– É proporcional ao estado mais ou menos material dos mundos e
cessa quando os estados físico e moral estão mais depurados. Nos mun-
dos mais avançados as condições de existência são completamente
diferentes.

Para uma melhor compreensão deste assunto, assistam ao vídeo da palestra do Dr. Sérgio Thiesen abaixo.

LAR DE FREI LUIZ
Palestra do Dr.Sérgio Thiesen
A LEI DE DESTRUIÇÃO,AS CATASTROFES NATURAIS E A EVOLUÇÃO HUMANA.
Direção:Sra Ieda Estevam Larosa.



Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_27

sábado, 22 de dezembro de 2012

Meus Oito Anos



Oh ! que saudades que eu tenho
Da aurora da minha vida,
Da minha infância querida
Que os anos não trazem mais !
Que amor, que sonhos, que flores,
Naquelas tardes fagueiras
À sombra das bananeiras,
Debaixo dos laranjais !

Como são belos os dias
Do despontar da existência !
- Respira a alma inocência
Como perfumes a flor;
O mar é – lago sereno,
O céu – um manto azulado,
O mundo – um sonho dourado,
A vida – um hino d’amor !

Que auroras, que sol, que vida,
Que noites de melodia
Naquela doce alegria,
Naquele ingênuo folgar !
O céu bordado d’estrelas,
A terra de aromas cheia,
As ondas beijando a areia
E a lua beijando o mar !

Oh ! dias de minha infância !
Oh ! meu céu de primavera !
Que doce a vida não era
Nessa risonha manhã !
Em vez de mágoas de agora,
Eu tinha nessas delícias
De minha mãe as carícias
E beijos de minha irmã !

Livre filho das montanhas,
Eu ia bem satisfeito,
De camisa aberta ao peito,
- Pés descalços, braços nus -
Correndo pelas campinas
À roda das cachoeiras,
Atrás das asas ligeiras
Das borboletas azuis !

Naqueles tempos ditosos
Ia colher as pitangas,
Trepava a tirar as mangas,
Brincava à beira do mar;
Rezava às Ave-Marias,
Achava o céu sempre lindo,
Adormecia sorrindo,
E despertava a cantar !

Oh ! que saudades que eu tenho
Da aurora da minha vida
Da minha infância querida
Que os anos não trazem mais !
- Que amor, que sonhos, que flores,
Naquelas tardes fagueiras
À sombra das bananeiras,
Debaixo dos laranjais !

Casimiro de Abreu
 Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_23

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Eu Realmente Preciso?


Não te cansas de pedir? Quanto mais temos mais queremos, mais pedimos, mais nos matamos para amontoar... mas o que? Para que?

As vezes pedimos ou desejamos algo que nem ao menos nos será útil. Quantas mulheres colecionam sapatos que nem cabem mais nos armários, quantos homens juntam ferramentas velhas e as amontoam nos quartos dos fundos o ano todo, quantas crianças desejam aqueles jogos novos de videogame quando mal jogaram ou terminaram os que já têm?

Nesse Natal, chamo-os a reflexão sobre o que temos, o que precisamos realmente e o que podemos compartilhar.

Lembremos de que muito nos é dado, mas nem tudo nos é necessário e há quem nada tem, quem precisa mais do que nós.

Como é agradável aos olhos e ao coração ver aquele que sabe compartilhar seus bens, aquele que não pede para si, mas para o que precisa mais, aquele que não pensa em doar suas roupas, seus brinquedos, seus móveis somente quando estão velhos, mas sim quando querem realmente ver um sorriso no rosto do seu próximo.

Vamos refletir ao exemplo do maior compartilhador de todos, o Mestre e Irmão Jesus Cristo.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Lei da Mente






A humanidade não faz idéia da força que existe por trás do pensamento. A energia positiva emanada em cada pensamento toca o espírito, fortalece o ideal, energiza a vontade, abre o caminho e ilumina a passagem.

O cultivo e a prática dos bons pensamentos diariamente inicia uma caminhada evolutiva, a qual, de pouco em pouco, atingirá o degrau almeijado.

Falta-nos fé e quando lhes digo fé, não lhes digo no sentido religioso que a humanidade aplica essa palavra, mas sim no sentido real, pois fé é confiança.

Jesus nos pediu para elevarmos a fé em Deus e Nele próprio, sabem por que? Porque a humanidade não tinha fé nem em si própria.

Por anos precisamos confiar no abstrato, acreditar no que nossos olhos não eram capazes de ver, no que os ouvidos não eram capazes de ouvir, tudo para que desenvolvêssemos a confiança em nós mesmos, em nosso potencial.

Tudo o que você precisa para superar seus desafios está dentro de você mesmo, se conseguir desenvolver a confiança, a fé em si próprio, aquela mesma fé que tens em Deus, que tens em Jesus.

O ser humano não é apenas uma criação, é uma obra-prima com o poder do pensamento. Use o teu pensamento em prol da tua vida, pense positivo, mas acima de tudo, tenha fé em você mesmo!

domingo, 16 de dezembro de 2012

Salmo 91

Os salmos são poderosas preces que encontramos na bíblia.

Porém na bíblia, apenas podemos lê-los, enquanto que alguns artistas podem nos emprestar suas lindas vozes e dar mais vida a essas preces.

Vemos no vídeo abaixo o trabalho da cantora espírita Elizabeth Lacerda colocando seu coração ao recitar o salmo 91.



Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Prece8.

sábado, 15 de dezembro de 2012

O Pensamento

Centro Espírita LAR DE FREI LUIZ
Palestra - O PENSAMENTO
Proferida pela Dra.Ana Guimarães
Local Teatro Dr.Joaquim Vicente de Almeida
Ocorrida em 26-05-10.


Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_77

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Cobranças






A decepção ocorre quando esperamos algo que vai além do que a pessoa pode oferecer. Essa pessoa pode ser um amigo, um parente, um conhecido ou até mesmo eu mesmo.

Já se reparou quantas vezes você ficou decepcionado consigo mesmo?

Muitas vezes cobramos tanto de nós que acabamos querendo cobrar dos outros também. Achamos que nossos critérios de perfeição se aplicam a todos.

Também costumamos achar que nossos princípios morais são os únicos certos e que se eu acho que algo é errado, quem erra tem sempre que ser punido. Mas não seria melhor ajudar ao invés de cobrar? Não seria melhor instruir ao invés de punir?

Por que exigir tanto de nós ou dos outros quando sabemos que somos apenas crianças espirituais imperfeitas e que ainda estamos gatinhando?

Isso ocorre porque a sociedade impõe regras a humanidade que fazem com que nós percamos nossa capacidade de refletir sobre um determinado assunto. A moral falsa imposta pela sociedade só mascara nossas falhas. No fundo, somos todos como Jesus disse, bonitos por fora, podres por dentro.

Se ao invés de exigirmos tanto buscássemos melhorar por meio de uma reforma íntima, nossa moral e inteligência atingiriam um nível mais elevado e tais erros que comummente cometemos, não mais surgirão.

Se há decepção, algo está errado então. Observe seus conceitos, observe suas atitudes, reveja os seus limites e não os ultrapasse, pois se o fizer, estarás invadindo os limites do teu próximo.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Riscos


Somente alcança o sucesso aquele que arrisca. Se tiver medo e nunca ousar tentar, jamais conseguirá aquilo que tanto almeja.

O risco faz parte da vida, faz parte de tudo o que nos acontece, porém ele pode ser bem preparado para que não tropecemos nos nossos erros.

Antes de começar um negócio, é importante saber se haverão compradores. Antes de começar uma faculdade, é importante avaliar se você realmente vai gostar daquele conteúdo. Antes de se casar, é importante conhecer interiormente a pessoa com quem você vai dividir suas tristezas e alegrias.

Vale a pena correr o risco quando você não tem nada a perder, mas apostar algo de grande valor pode trazer consequências sérias. Aposte no seu potencial, aposte na sua alegria, aposte na sua capacidade de amar, pois isso ninguém é capaz de lhe tirar e mesmo que não consigas ganhar algo, acredite, ao menos experiência você irá adquirir.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Medo de Mudar




Nosso querido planeta Terra passa atualmente por uma fase importante de mudanças. Ele não é o único quem precisa mudar, cada um de nós nasceu para mudar também.

Visando melhorar, devemos observar em nós quais são as características que nos incomodam, interrogando a nossa consciência diariamente sobre o que devo mudar ou não.

Se gasto dinheiro demais e isso me causa desconforto ao final do mês, devo procurar melhorar isso.

Se ao contrário, não gasto nada e só guardo para mim de forma egoísta, devo repensar sobre isso também.

Se ao falar com as pessoas, somente ajo de forma áspera e agressiva, devo repensar sobre minhas palavras.

Se ao falar eu não consigo dizer "não", minha ingenuidade é prejudicial e pode trazer dificuldades maiores no convívio familiar.

A mudança existe, ela ocorre diariamente, mas se você lutar contra ela e não permitir que as boas mudanças ocorram, então você está parando a sua evolução e atrasando a sua própria vida.

Pense nisso, reflita com carinho e busque mudar para melhor!

sábado, 8 de dezembro de 2012

Palestra Perda de Entes Queridos


LAR DE FREI LUIZ
Palestra: PERDA DE ENTES QUERIDOS.
Palestrante:JOSÉ CARLOS VILELLA, no dia 21 de março de 2012
ESTUDO: Capitulo XVI do Evangelho segundo o espiritismo:NÃO SE PODE SERVIR A DEUS E A MAMON
Direção:WILSON VASCONCELOS PINTO.(Presidente)


sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Sou Eu Quem Me Faz Feliz


A dependência de uma outra pessoa para sermos felizes é uma grande ilusão, pois ao agirmos assim, estamos jogando sobre os ombros do nosso próximo a responsabilidade de nossa própria felicidade, quando cada um é quem se faz feliz.

Podemos amar um, podemos amar mil, mas é comum vermos as pessoas se apegarem justamente a quem não gosta delas. Percebam que o amor não causa sofrimento e que quando alguém se apega, veja bem "apega", este vive a ilusão de que é capaz de forçar o outro a amá-lo.

Ame a si próprio, cuide de si, seja feliz e verás que todo o cuidado e amor dispensado a si mesmo irá atrair muitas outras pessoas interessadas em você, mas pessoas que valerão muito mais do que as que um dia lhe desprezaram.

Há muitas pessoas que procuram por você, elas ainda não te encontraram, mas isso é porque você se esconde atrás da sombra de quem não te quer. Saia, voe, seja feliz e perceberás que não é você quem precisa procurar, porque há muitos que procuram a tempos por ti.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Bom Ânimo






E como é bonito ver aquele que fala sorrindo!

André Luiz nos encoraja a sermos sempre positivos, a sermos sempre alegres, a doarmos sempre boas vibrações.

Triste é ver e ouvir aquele que apenas se queixa da vida, que tem muitos motivos para se alegrar, mas prefere dar ênfase aos problemas.

O pessimista apenas tenta puxar para o fundo do poço os outros, pois ele se vê lá embaixo e quer companhia. Mas quem é que disse a ele que nós queremos ficar nesse estado depressivo, de tristeza e de amarguras? Nós mesmos o dissemos quando não nos esforçamos para lhe passar algo de bom.

Quando alguém vier falar-te com palavras depressivas e pessimistas, dá a ele o ouvido amigo, conserva-te em silêncio até o momento em que encontrar uma pequena brecha para mostrar-lhe o que há de mais belo na vida, o sorriso.

Ora, o sofredor apenas quer a cura para sua doença e o mesmo ocorre com o pessimista que apenas quer a alegria de volta.

Sejamos sempre a luz que ilumina o caminho dos nossos irmãos e então, nesse lindo gesto, tornaremos-nos verdadeiras estrelas de alegria na Terra.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

A Caridade corre pelas Veias







As vezes procuramos formas de fazermos a caridade material e ficamos de mãos atadas, pois sempre que se fala em matéria e em doar lembramos de dinheiro, roupas, objetos caros...

Mas há algo material que muitas pessoas tem em abundância e que é de extrema necessidade para muitos: o sangue.

A doação de sangue pode salvar vidas, não dói nada, eu mesmo fiz minha parte, me senti muito bem sendo útil a alguém, alguém que eu nem conheço pois não saberei quem irá receber o meu sangue, mas tenho certeza de que quem vai receber realmente precisa dele, ao contrário de quem recebe uma esmola e poderia até mesmo estar fingindo precisar de dinheiro.

Bendito seja aquele que faz algo de bom por alguém que tanto necessita, pois este compreendeu o que Jesus tanto ensinou: fazei ao teu próximo aquilo que gostarias que ele fizesse a ti.

Lembremos que hoje você pode ser o doador, mas amanhã poderá ser o que aguarda por doações.

domingo, 2 de dezembro de 2012

Quando Eu Tiver Partido


Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_74

Amanhã, quando eu tiver partido, desejo que você me recorde como alguém que muito a amou.

Desejo que você me recorde como aquela pessoa que esperou meses para que você desabrochasse no mundo.

E, quando a viu, pequenina, necessitada de tantos cuidados, teve outros tantos meses de sobressalto, constatando a sua fragilidade.

Desejo que você recorde que foi muito amada, desde o anúncio de sua concepção.

Nascida, foi amada pela beleza dos seus traços, pelo brilho dos seus olhos e pela graça de cada gesto seu.

Desejo que recorde que aguardei seus primeiros balbucios, com ansiedade, para que me dessem a certeza de que você podia dominar as palavras.

Que vibrei com cada conquista sua. Estive ao seu lado quando você foi juntando as letras e leu sua primeira frase. E seu primeiro livro.

Que a busquei na escola, nos dias de sol e de chuva. E, mais de uma vez, andei com você na chuva, porque você, criança, adorava andar na chuva.

Que se lembre das tantas vezes que a levei ao parque. Rolei com você na grama. Subi e desci morros porque você dizia que queria vencer a montanha. E nunca lhe disse que aquilo era só um pequeno morro.

Escalei a montanha e atravessei o pequeno arvoredo, brincando de explorar florestas.

Quando eu não mais estiver ao seu lado, nesta vida, lembre que eu lhe acompanhei as vitórias na escola, na dança, na música.

Recorde dos meus aplausos, das lágrimas de felicidade, dos sorrisos e dos abraços.

Recorde das idas à Biblioteca, das pesquisas realizadas em conjunto, da busca nos livros e na Internet.

Eu espero que você tenha tudo guardado na sua lembrança. Os presentes escolhidos, os passeios programados, as idas ao cinema, a pipoca, o refrigerante, o lanche, o sorvete.

Eu espero, sobretudo, que você recorde das nossas conversas, dos comentários a respeito das cenas vistas e reprisadas.

Da emoção dos concertos e de como introduzi a boa música em sua vida, numa época em que você estava mais ligada em sons altos, ruído e agitação.

E de como você descobriu a música clássica, erudita e a beleza da música popular, regional, internacional, passando a apreciá-las, em tempo e momento devidos.

Espero que você recorde dos valores morais que exemplifiquei, dos diálogos com Deus de que lhe falei tantas vezes, espontâneos, brotando do coração.

Das preces que juntas fizemos, nas noites mal dormidas, nos dias de enfermidade, nos momentos de alegria.

Porque muito a amei, de onde eu estiver prosseguirei a velar por você. E isso eu desejo que você nunca esqueça.

O mundo poderá lhe apresentar espinhos e machucar seus sentimentos. O sucesso desejado poderá não chegar. Pessoas poderão lhe voltar as costas.

Mas, eu estarei velando por você porque o amor não fenece com o tempo, nem desaparece quando nos transferimos de um mundo para o outro.

Isso será muito importante que você não esqueça: do sentimento que jamais se extingue com o tempo, com a idade, com as alterações mais intensas ou mais profundas.

Por fim, espero que você me possa recordar com igual carinho e ternura com que lhe embalei os anos, os sonhos, as conquistas.

Porque far-me-á muito bem, onde eu esteja, receber as flores do seu coração, perfumadas, sedosas, dizendo que vivo em sua memória e na doçura da sua afeição.

Redação do Momento Espírita
Disponível no CD Momento Espírita, v. 14, ed. Fep.
Em 31.01.2010.

sábado, 1 de dezembro de 2012

Palestra: Obsessão

LAR DE FREI LUIZ
Palestra: OBSESSÃO
Palestrante: SUELI CALDAS SHUBERT
Realizada no Teatro Dr.Joaquim Vicente de Almeida do Lar de Frei Luiz

Vídeo disponível em www.serenaluz.com no link Vídeo_73