segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

O Mal do Século



  Vamos falar agora de um assunto que tem sido ignorado pela sociedade, o verdadeiro mal do século que precisa ser combatido por todas as religiões, pois sem Deus a juventude não tem forças para se proteger dele: as DROGAS.

  Você pode estar lendo e dizer que essa assunto é chato, que é careta, que já foi falado muitas vezes, mas as drogas continuam fazendo vítimas, jovens continuam morrendo pelo consumo e pelas overdoses, os roubos aumentaram, a polícia não consegue mais dar conta de tantos crimes, os municípios tiveram seus gastos ampliados com segurança, mas nada disso tem resolvido o problema e você ainda está de braços cruzados achando que não tem responsabilidade alguma sobre isso. Engano seu.

  O jovem e até mesmo as crianças iniciam hoje muito cedo no mundo das drogas, se é que temos idade para isso. O problema ocorre porque você, espírita ou não espírita, consome dentro e fora do seu lar, na frente dos seus filhos, dando o pior dos exemplos, a droga considerada por muitos lícita, o álcool e o cigarro.

Nossas crianças estão tendo contato com as piores drogas...


  É por meio do álcool e do cigarro que o seu filho tem o exemplo de que a droga "ilusoriamente" não faz mal algum e que ela até é parte do convívio social atual, que no passado se combatia esse uso, mas que hoje é tudo liberado. Você sabia que de todos os que consomem drogas pesadas hoje, a maioria iniciou no álcool ou no cigarro?

  Isso mesmo, o cigarro é a porta de entrada para a maconha e o álcool é a porta de entrada para cocaína e afins. O pior de tudo, é que você que acha que consumir álcool socialmente não é ser alcólatra, pura ilusão porque é sim, acaba por mostrar para o seu filho que ingerir algo que vai prejudicar sua saúde e que pode lhe levar ao vício e que pode arruinar sua vida é legal, o que não é.

  Se você ama sua família, se você deseja o que há de melhor para os seus filhos, por todo esse amor que tens por eles, pare agora de beber bebidas alcóolicas e de fumar cigarros, pare agora de se suicidar lentamente e de servir de mau exemplo para seus entes queridos.

  Feliz aquele que consegue viver sem precisar das drogas, pois hoje a sociedade vive no meio delas sem se dar conta de que são elas que estão tornando o mundo o caos que vemos. Você reclama da violência, culpa o estado, culpa a ineficiência da polícia, culpa a falta de instrução das escolas, mas você não levanta da poltrona confortável onde todos os dias você dá um trago das suas drogas lícitas para fazer nada, seu comodismo e sua preguiça fazem desse mundo o caos que ele é hoje e só você pode mudar isso.

  Se cada um de nós fizermos algo de bom, não vamos mudar o mundo sozinhos, mas com certeza juntos estaremos contribuíndo para uma mudança e essa mudança precisa acontecer agora, pois quanto mais adiamos, mais iremos sofrer as consequências de nosso desleixo para com o maior presente de Deus, a vida.

  Pais e mães, olhai suas atitudes e observai os vossos exemplos, seus filhos não merecem viver o mundo das drogas, da AIDS, dos crimes. Só sabe o mal que elas causam na vida, o ser que presencia um parente ou amigo que se acaba no lamaçal das drogas.

  Esse apelo é para você educar seus filhos, para você SE educar e para que, se possível, orientemos por meio de palestras nos centros religiosos a evitarmos de vez o consumo das drogas lícitas que são a porta de entrada para as drogas mais destrutivas.

  Que Deus nos proteja desse mal e que Jesus tenha paciência o suficiente para nos conduzir para longe de nossos pensamentos e atitudes egoístas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário