quinta-feira, 30 de maio de 2013

Um mundo de aparências, e você está nele

  Um vídeo pra lá de interessante com uma perspectiva do mundo em que vivemos, da forma como nos vemos e de como podemos mudar muitas coisas apenas buscando sermos mais humildes.

  Apreciem esse vídeo, ele é muito bom!



quarta-feira, 29 de maio de 2013

A escada da sabedoria e do equilíbrio


  Eu erro porque preciso aprender, eu tropeço porque não sei ainda onde pisar, eu magoo porque estou apenas começando a aprender a amar e pergunto: quem não é assim?

  Ainda não vi alguém diferente de mim e olha que tenho procurado bastante e por muitos lugares. Tenho visto pessoas de todas as classes errando, todos os tamanhos e idades errando, todos as culturas errando. Mas bonito de se ver não é o erro em si, mas a humildade em admiti-los, porque para muitos criasse uma redoma de vidro que as faz se acharem imunes às falhas, porém não são e, quando a redoma quebra, o choro logo lhe toma conta da alma.

  Quando se passa a reconhecer as próprias imperfeições, damos o primeiro passo para o crescimento espiritual e a certeza de que estamos no caminho correto.

  O segundo passo vem com a inteligência que pode ser demonstrada ao se aprender com os erros. Você já deve ter pensado sobre alguém que insiste em repetir os erros e até mesmo ter julgado essa pessoa como burra. De fato ela ainda é, apesar de eu não gostar desse termo, mas é burrice insistir no erro, quando o que devemos fazer é parar, respirar, analisar friamente e observar onde erramos e o que podemos fazer para contornar a situação evitando novo sofrimento. Nossa ansiedade nos leva a essa burrice, mas a busca pelo equilíbrio nos traz para a inteligência superior. Já percebeu como os grandes nomes da paz e do amor pelo mundo são pessoas sensatas, equilibradas e que refletem sobre o que falam e fazem? Pois é, os que agem só pelo impulso e pelo desespero costumam cair várias vezes.
Jesus é um grande exemplo de homem que foi sereno em tudo o que fez e por isso nunca errou, mas acredite que se o Cristo errasse, Ele teria condições mais do que suficientes para voltar atras e se corrigir, porque o eterno Mestre é o espírito mais equilibrado que existe, ao menos no conhecimento da humanidade.

  Erramos, aprendemos e com isso crescemos. É ai que mostramos maturidade. A vida requer isso de nós, ela pede que você cresça, porque já não é mais um bebezinho que precisa chorar por alimento, por atenção, por ajuda. Tu tens força o suficiente para cair, perceber o que o levou a cair e não tornar a pisar no buraco, ou tropeçar na mesma pedra. Isso é amadurecer, é tornar-se forte com os erros, é avançar no progresso moral, intelectual e espiritual na vida.

  Não existe diploma pra quem supera os erros, mas é certo que a recompensa é muito mais valiosa. Um espírito equilibrado e sereno é infinitas vezes mais benquisto do que um rebelde chorão que se enraiva com qualquer obstáculo que encontra.

  Deus quer isso de nós, quer que nós cresçamos com os erros, tudo isso porque não fomos capazes de crescer pelo caminho mais fácil. Porque no passado e ainda no presente, damos mais importância às coisas materiais do que às coisas de Deus e, por isso, nos mantemos em desequilíbrio com as forças que regem o universo, a paz e o amor.

  Entende agora porque os mais velhos geralmente são considerados mais sábios? Porque eles já passaram por muitos erros que os levaram ao aprendizado e hoje olham para os jovens e se lembram de si mesmos e de como foram inconsequentes em muitas de suas antigas decisões.

  Segue caminhando com humildade, inteligência e amadurecendo e logo verás que os erros se tornarão poucos ou nulos.

terça-feira, 28 de maio de 2013

O Amor que começa hoje, é pra sempre...


  Lindo é o amor que o Todo poderoso criou, semente que germina nos corações de toda a sua criação. Nascemos com essa semente, tal como o fruto que nasce da árvore e esperamos pelo momento apropriado para vermos a semente se abrir.

  É triste ver que os bons costumes e as boas maneiras do passado cederam lugar às exigências apressadas da vida moderna. O namoro, período tão proveitoso para duas pessoas se conhecerem melhor, está escasso. Vemos no lugar dele o famoso "ficar", uma simples forma de se experimentar por alguns dias ou até mesmo horas o calor humano de outrem.

  O amor, sublime e duradouro, eterno em sua essência, incapaz de magoar, não foi feito para vivenciar experiências de pouco tempo. Quando o amor germina nos corações, ele vem para ficar definitivamente e ocupa o espaço de outros sentimentos como o desejo, o apego, o interesse e a vaidade.

  Ilude-se aquele que diz que já sofreu por amor, porque o amor não faz sofrer. O amor não nos faz achar que somos donos uns dos outros, o amor não nos ilude com ciúmes, não nos impede de deixar a pessoa amada seguir por outros caminhos, mesmo que seja com outra pessoa. Amar é libertar, é soltar as amarras do apego ilusório, porque o apego causa o sofrimento, não o amor.

  Amar é perdoar, demonstrar que se compreende ou, ao menos se esforça para compreender as imperfeições alheias. Porque todos nós erramos e, quem ama, não exige perfeição, mas estende a mão em um gesto sublime de eterna gratidão só por poder estar ali, ao lado da pessoa amada, nem que seja por alguns segundos, sim, alguns segundos que em uma vida cheia de altos e baixo parece a eternidade, momento mágico que faz o coração disparar ao olhar profundamente nos olhos e ver que lá dentro daquele ser revoltado há um ser humano clamando por amor, carinho, atenção.

  O "ficar" está destruindo toda uma geração. Contaminando nossos jovens com o sexo imaturo e desenfreado, sujando mentes e reduzindo o tempo de infância e inocência de nossas crianças e jovens. O "ficar", pode lhe parecer algo comum hoje, mas só é pra quem não compreende o que é amar, porque não pode então julgar aquilo que ainda desconhece dentro de si. Um dia, os adeptos do ficar irão ver a semente do amor germinar e, quando isso ocorrer, ai sim vão chorar, mas não vão chorar por causa do amor não, mas sim porque poderiam ter vivido esse amor muito mais cedo se não fossem tão apegados à tentação da carne e aos modismos impostos por uma geração que julga ser importante a quantidade de garotos ou garotas com que alguém se relaciona, quando na verdade o que é importante é o batimento uníssono de dois corações ligados pela afinidade das almas criadas com a pureza dos fluídos do universo de Deus.

  Acredito que um dia todos nós poderemos nos dar as mãos sem que se olhe para o lado e julgue a sexualidade de alguém, a raça de alguém, a cultura ou classe social e que, diante da bondade de Deus e do Cristo, a humanidade emita uma luz em harmonia com a paz universal existente na natureza deste planeta abençoado, equalizando as vibrações num único sentimento que não foi criado para ser lembrado à primeira vista, mas sim à perder de vista: o AMOR.

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Sorriso, a chave de muitas portas na vida =)



  A muito tempo venho desejando falar sobre ele, um companheiro essencial de minha vida, alguém a quem devo total respeito e admiração, porque posso realmente afirmar, ele mudou tudo para melhor, ele abriu uma avenida de opções, ele me pôs na frente dos problemas e me trouxe paz. Seu nome, simples e singelo, sincero e meigo, o “sorriso”.

  Muito trabalho tive para descobri-lo. Ele insistia em se esconder de mim. Procurei por diversos lugares, diversas foram também as vezes, mas não me cansei, tão pouco desisti. Em cada rosto que olhava eu o procurava, seja ele negro, branco, masculino, feminino, jovem ou idoso entre tantas diferenças de nossa espécie, eu queria ver o “sorriso”.

  Entendi que encontrá-lo era mais difícil do que eu poderia imaginar e busquei na meditação, um momento de paz para me questionar: como encontrar o “sorriso”?

  De repente um estalo surgiu, pensei comigo mesmo na possibilidade de provocá-lo, talvez assim ele surgisse diante de meus olhos, talvez assim eu o pudesse apreciar.

  Às ruas então eu fui novamente. Primeiro tentei com uma piada, notei que uns de mim riam, mas outros eram indiferentes, permaneciam sem reação, caras fechadas, olhos tristes, nariz torcido... Bom, o primeiro resultado veio e isso me deixou mais esperançoso, consegui alguns sorrisos e como me senti bem!

  Era hora de pensar mais um pouco, deveria haver uma maneira mais fácil de obter sorrisos das pessoas, algo que as deixasse em estado de alegria. Resolvi então presentear os amigos. Fui às compras e iniciei uma maratona de entra e sai de lojas. Puxa, como era difícil comprar presentes para os amigos, ainda mais porque cada um gosta de uma coisa diferente e cada um tem muitos ou poucos bens, o que poderia facilitar ou dificultar nas escolhas. Lembrando que era uma alternativa cara, mas eu tinha que tentar.

  Compras feitas, hora de entregar os presentes e ver os resultados!

  Alguns amigos despertaram sorrisos lindos, mas outros agiram com indiferença e largaram ao relento um sorriso amarelo, não sei se o presente não lhes agradou muito, ou se eles estavam constrangidos e se sentiram na condição de, por obrigação, terem que retribuir o presente. Bom, o fato é que mais alguns sorrisos surgiram e isso me motivou a prosseguir.

  Já usei de piadas, já tentei os presentes, o que mais poderia fazer? Deus é tão bom que me deu uma bela inspiração: sorria para todos!

  De volta às ruas, estampei um largo sorriso no rosto e com que boa vontade eu estava em doá-lo à pessoas que eu nem conhecia. Fantástico, o resultado não poderia ter sido melhor, pois raros foram os que não me devolveram um sorriso. É isso, eu então compreendi!

  Não bastava contar piadas, tão pouco comprar belos presentes, pois o que fazia as pessoas sorrirem com sinceridade era o ato de para elas sorrir. Que lição maravilhosa.

  Às vezes nos esquecemos que é tão simples cativar um sorriso e reclamamos que a vida é muito triste, que as pessoas são muito frias, que o céu, é para nós, sempre acinzentado. Não é a vida que falhou, nem as pessoas e nem o céu que não ficou belo, pois a beleza vem da alegria de se viver e somente recebe quem doa. Quem sorri de coração, cativa sorrisos nos que vivem ao seu redor, amplia relações de amizade e amor, vivencia momentos únicos e inexplicáveis.

  O sorriso é um abridor mor de portas, por meio dele a vida se descortina e encontramos quem tanto procuramos. Por isso damos tanto valor às amizades, aos relacionamentos íntimos, pois é neles que geralmente surgem os melhores sorrisos.

  O brilho existente no sorriso de cada pessoa é único e intransferível. Há pessoas que não precisam nem se esforçar para sorrir, suas faces transmitem a boa vibração de suas almas bondosas e seus sorrisos são apenas o reflexo de suas luzes interiores.

  Tão nobre é o ato de sorrir que nos eleva ao patamar de pessoa benquista. Rodas e grupos sociais se formam e a presença daquela pessoa sorridente é sempre requisitada. Já viu como uns são sempre chamados para festas, churrascos, encontros familiares enquanto outros, se não se oferecerem, nem saem de casa? Pois é, se a companhia é deprimente, ninguém a irá desejar, mas se ela é alegre e sorridente, hum... nesse caso sua presença é exigida!

  Já tentou começar o seu dia sorrindo? Sorria para a planta, sorria para o pássaro, sorria para os familiares, sorria para os amigos, sorria para os conhecidos e até para os desconhecidos. Ao fazer isso você notará que muita coisa irá mudar para você, seja na sua vida profissional, seja na sua vida particular. O ambiente se tornará mais leve, agradável à convivência social e iluminado como se o sol ali habitasse 24 horas por dia.

  Desde que descobri o sorriso, já não mais quero me separar dele. Aceitei-o como meta diária na minha vida, onde tenho que sorrir todos os dias, tenho que buscar ver o que há de alegre e feliz para gerar um sorriso o mais sincero possível.

  Sorria porque você quer ver sorrisos, sorria porque você quer ver tudo melhorar, sorria simplesmente porque você quer sorrir...

sexta-feira, 24 de maio de 2013

Quando desarrumamos nossa própria casa

  Este vídeo me tocou profundamente ao falar e mostrar nossa casa. Um vídeo lindo que merece ser visto por muitos, compartilhado por todos e refletido em seu propósito de salvar o planeta.

  O que temos feito de nossas vidas? Por que o temos feito? Confira o vídeo e reflita comigo...




Vídeo disponível em Vídeo_89

quinta-feira, 23 de maio de 2013

2 frases de Buda para reflexão


  Temos hoje 2 mensagens de buda na imagem acima para nossa reflexão, então vamos lá!

  1ª "Guardar raiva é como segurar um carvão em brasa com a intenção de atirá-lo em alguém; é você que se queima".

  Imagine só uma pessoa segurando um carvão em brasa, será que dói? Quanto tempo será que ela pode suportar o calor? Quais são as consequências de se fazer isso? Vale a pena? Tem sentido algum?

  Quando guardamos ressentimentos de ofensas recebidas, estamos fazendo a mesma coisa que segurar um carvão em brasa. Vai doer sim, mas vai doer em quem retém esse sentimento dentro de si. A mágoa é um veneno para a alma, age como elemento corrosivo que destrói sonhos, mancha relações e prejudica o desenvolvimento na vida.

  A solução é o perdão sincero, pois somente por ele se é capaz de jogar fora aquilo que te queima por dentro. Ninguém consegue controlar a mágoa, ela é forte e cedo ou tarde ela te domina. O melhor é aprender a perdoar, porque senão a mágoa se torna algo maior, ela vira ódio e vontade de vingar-se e é ai que os maiores erros da humanidade ocorrem, justamente por causa do "orgulho" ferido.

  2ª "Há três classes de pessoas que são infelizes: a que não sabe e não pergunta, a que sabe e não ensina e a que ensina e não faz".

  A pessoa que não sabe e não pergunta, nunca irá aprender. Ela se acomoda na vida e deixa de lado a oportunidade de evoluir. Como ser feliz se você desconhece a felicidade e mais ainda, como ser feliz se você não questiona como aprender a ser feliz. Se manter estagnado no tempo e na dúvida não vai te ajudar a progredir, vai apenas lhe manter infeliz por mais tempo.

  A pessoa que sabe, mas não ensina é complicada também. Saber significa ter obtido um conhecimento que pode ser útil à muitas pessoas. Não repassá-lo é ser egoísta e avarento. Ninguém pode ser feliz sozinho, portanto, se você achou o caminho das pedras, ensine-o aos que vivem ao teu redor.

  Já a pessoa que ensina, mas não faz torna-se mau exemplo. De nada adianta dizer para não beber álcool e ir logo em seguida para o bar encher a cara. O ser que assim age, demonstra que não aprendeu a lição ainda e que sofre interiormente com seus fantasmas e medos do passado, geralmente causados por erros próprios. Se Jesus não tivesse agido para exemplificar na prática os ensinamentos Cristãos dele, então ninguém teria crido.

  Se tu não sabes, vai e pergunta. Se aprendestes, vai e ensina. Se ensinas, vai e pratica. Somente assim o caminho da felicidade há de se abrir, passo a passo desde que seja seguindo o seu coração.

quarta-feira, 22 de maio de 2013

A autêntica opinião de quem não tem opinião própria


  Tornou-se rotina em nossas vidas vivermos em prol da opinião alheia, um erro que cometemos porque a opinião dos outros pouco deveria nos importar se nossa consciência de nada nos acusa.

  As pessoas se vestem conforme o que os outros acham bonito para elas, não com as roupas que lhes agradam. Elas comem conforme a quantidade e os gostos das outras pessoas, não o que elas tem vontade ou sabem ser realmente bom para sua alimentação. Vivemos uma época de reflexo, porque somos o reflexo da vontade dos outros e não da nossa.

  Deixemos de lado por um instante o que os outros opinam e acham sobre nós e nossas atitudes. Busquemos agora refletir sobre o que nós queremos para nossas vidas. Encontrou o que procura? Visualizou o motivo de usa insatisfação e infelicidade? É bem por ai, você tem agido como um robô seguindo padrões estabelecidos pela sociedade e com isso sofre.

  Seja autêntico e verdadeiro, faça o que você gosta, vista-se como você quer, coma o que lhe faz bem e lhe agrada, assuma o controle da sua vida deixando que a opinião dos outros não interfira diretamente em você, mas sirva apenas de parâmetro sobre como está o mundo.

  A cada ano a indústria da moda dita o que você deve ou não vestir, isso é um erro, porque aquela blusa cara que você comprou com tanto desejo vai agora ficar guardada até o dia em que alguém decidir colocá-la de novo na passarela? Não, definitivamente não, use o que lhe cai bem.

  Viver preso na opinião dos outros é sentir a falta da liberdade de expressão, é sufocar-se em meio a tantas coisas legais e boas que você poderia fazer. Liberte-se já, seja autêntico e verdadeiro, sinta o perfume da escolha própria no ar e vista a alegria de poder ser livre.

  Não somos cópias uns dos outros, cada um de nós é um ser único, cada um traz as suas próprias qualidades boas e ruins. Deixemos de lado o modismo e nos apliquemos na simplicidade de ser quem somos.

  As pessoas de maior sucesso no mundo só chegaram nos seus postos porque acreditaram que faziam aquilo que achavam ser correto, pois são pessoas diferentes das outras, são pessoas que não se prenderam à opinião alheia e que lutaram por seus ideais. Não tenha medo de trilhar um caminho diferente, de ser diferente, tenha medo de ser igual a todo mundo. Pense, reflita, aja por sua conta!

terça-feira, 21 de maio de 2013

Terra, a pousada de muitas vidas


  Sábios indígenas que já entendiam o conceito de evoluir num passado bem anterior à colonização de nossas terras. Somos viajantes que estão de passagem por aqui, o planeta Terra é uma pousada que nos acolhe e nos serve café da manhã, que nos apresenta pontos turísticos e locais de estudo, que traz a nós a cultura deste povo que aqui vive temporariamente.

  Viemos aqui, não para ficar eternamente, mas para brevemente observarmos a beleza da vida, crescermos espiritualmente com as provações a nós oferecidas e aprendermos a amar como o Cristo nos ensinou.

  Um período que precisa ser respeitado e bem aproveitado. Curto é o tempo de cada um de nós, pois nem mesmo sabemos quantos anos aqui ficaremos. Uns ficam mais de 100 anos, outros partem logo no primeiro e por isso é necessário sabermos aproveitar ao máximo seguindo os exemplos do grande Mestre Jesus.

  Ninguém aqui veio para colecionar tesouros, nem para dominar o mundo, tão pouco para ser famoso. Viemos para sermos o menor possível, o mais humilde dentre todos. Viemos para reconhecer o nosso Deus criador, para aprendermos a amá-lo em primeira instância, a colocá-lo em primeiro lugar em nossas vidas. Mas longe ainda estamos de atingirmos essa meta.

  Hoje vemos a humanidade buscando os caminhos "curtos" da vida que teoricamente enriquecem sem trabalho, que obtêm recursos às custas do trabalho dos outros, que engana, mata e omite por puro egoísmo e orgulho. Precisamos despertar, precisamos compreender que a estadia é breve e que logo retornaremos para nosso lar, onde seremos interrogados sobre o que aqui fizemos, sobre como foi nossa viagem, sobre o que aprendemos.

  Qual é o pai que envia seu filho para a escola e que após o filho retornar não lhe questiona: o que aprendestes hoje na escola, meu filho querido? Pois é, Deus irá perguntar-nos e é ai que teremos que ter em mente que respostas do tipo: aprendi a fazer o que é errado, aprendi a enriquecer com ouro e prata, aprendi a roubar, matar, extorquir... não serão boas respostas para um pai tão generoso como nos é Deus.

  Observemos enquanto é tempo que podemos nos corrigir agora e melhorar um pouco nossas vidas, mas sem prejudicarmos o próximo, sem elevarmos o orgulho, sem praticar o que é mau aos olhos de Deus. Os exemplos já foram dados, segue a Jesus e carrega a tua cruz, porque hoje ela é pesada, mas te fortalecerá para que amanhã ela seja bem mais suave.

  Viaja pela Terra e explora os caminhos, conhece as pessoas e ama-as de todo o teu coração, usa do teu pouco tempo aqui para fazer o que é bom.

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Quando a dificuldade nos induz à tristeza


  Se hoje foi difícil e as lágrimas por tua face rolaram, então aquieta o teu coração e reequilibra as tuas forças, porque amanhã poderá ser diferente e a tempestade já terá se acalmado.

  Mesmo que muitos espinhos venham a nos ferir, mesmo que muitos buracos estejam em nossas estradas da vida, não te faltarás o necessário para seguir adiante, portanto sorria.

  Fazer dos momentos difíceis meros momentos de aprendizado, é uma prática a ser adotada por todos. Usar da alegria de se estar vivo como remédio contra as ofensas e sofrimentos, é buscar forças para não sucumbir à tristeza.

  Ninguém disse que nos seria fácil, tão pouco que não cairíamos, mas lembro-me bem que nos disseram que estaríamos sempre amparados e que mesmo que caíssemos poderíamos levantar e tentar mais uma vez.

  Encare as dificuldades com os olhos de um vencedor, não permita que elas lhe abalem, não se entregue e não se conforme, lute pelos seus ideais, busque ser uma pessoa melhor, aprenda com os erros e eleva teus pensamentos ao Pai, pedindo forças para superar a provação, sabedoria e discernimento para aprender a lição e oportunidade de transformar a tua dor em exemplo para outros que necessitem tanto quanto você.

  A vida é um ciclo na matéria, mas é contínua no espírito e com isso entendemos que nenhum sofrimento é por acaso, pois se eternamente o espírito vive, eternamente o aprendizado o acompanhará.

  Confia em Deus, confia também em Jesus, faz a tua parte e caminha com amor.

sexta-feira, 17 de maio de 2013

O belo na vida é aprender a ver como a vida é bela!


  Não é de hoje que temos a beleza como padrão definido de bem estar, nos agrada e muito os olhos quando vemos algo bonito.

  Mas a beleza é um conceito que varia de pessoa para pessoa, de visão para visão. Uns podem ver a beleza de uma flor, outros não, uns podem achar uma pessoa bonita, outros não.

  Independente do seu modo de ver a vida e a beleza que as obras de Deus nos oferecem, uma coisa é certa, a beleza física é temporária. As flores murcham, os cabelos caem, a pele enruga, a tinta descasca e mancha, o ferro enferruja.

  A beleza que mais nos deveria chamar a atenção é aquela que não se desgasta, pois permanece viva por tempo indeterminado em nossas mentes, encantando a alma e exalando um perfume inebriante. Esta beleza é rara e deve ser apreciada com calma, com paz, com boa vontade. É a beleza da caridade.

  O gesto mais nobre que um ser pode realizar é o de doar seu tempo ou seu recurso material em prol do que necessita de ajuda. Há até uma música muito bela que nos diz: "sempre fica um perfume nas mãos que oferecem rosas".

  Não só o perfume fica, mas também a alegria de fazer o bem, de fazer o que é certo aos olhos de Deus, de seguir o exemplo do verdadeiro Cristão. A caridade é a locomotiva da evolução moral da humanidade, ela precisa ser alimentada pelo combustível do amor que queima produzindo a paz, a alegria e a união das culturas e raças.

  Desde que o mundo surgiu, desde que a vida aqui floresceu, nada se desenvolveu sozinho, tudo teve auxílio de outro. A chuva não se formaria se não houvesse o calor do sol, os peixes não sobreviveriam se a chuva não enchesse os rios, as plantas não germinariam se a condição climática não fosse favorável, o homem não falaria se só um de nós se esforçasse para emitir sons.

  A vida é assim, um aprendizado da boa ação. É nela que aprendemos a conviver e a oferecer, para então podermos receber. Essa é a beleza da vida, superior a beleza temporária da matéria. Essa é a beleza da genialidade de um Deus que teve amor em cada uma de suas criações.

  O belo na vida é aprender a ver como a vida é bela!

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Seria eu a única estrela em todo o universo e a única a brilhar?


  Seria cômica a reflexão acima se não fosse realidade. Vemos pessoas ao nosso redor fazerem constantemente escândalos para chamar a atenção, tudo porque acham que tudo gira e acontece por sua causa e ao seu redor.

  Esse comportamento triste lembra-nos dos antigos reis e rainhas que abusavam do poder para fazer com que as pessoas os bajulassem o dia todo, como por exemplo com o bobo da corte. Pois é, quem age dessa forma, está tentando fazer com que seus parentes e amigos sejam bobos da corte para si próprio.

  Mas por que essas pessoas agem assim?

  Falta-lhes carinho e atenção, amor e alegria em suas vidas. O culpado, em grande maioria dos casos é a própria pessoa que se fecha no seu mundinho e que, devido às suas imperfeições, afasta os que com ela convivem.

  Portanto, quando você ver aquela pessoa no seu círculo social que adora chamar a atenção, não tenha inveja e nem raiva dela, pois ela é apenas um pobre coitado que por fora esbanja orgulho, mas por dentro clama por ajuda, perdido em seus sentimentos mais íntimos e preso à ilusão do apego.

  Como podemos ajudar alguém assim?

  Sempre temos que ter em mente que só podemos ajudar os que querem ser ajudados, no entanto, ninguém disse que não podemos tentar ajudar os que não querem. Tentar é uma ótima alternativa, porque ficar esperando que a pessoa caia em si e descubra o erro que comete com essas atitudes dramáticas pode ser muito demorado. Ao estender a mão para ele(a), lembre-se de que a cegueira do orgulho poderá ser fator crucial para a rejeição da ajuda, nesse caso devemos respeitar e aguardar até o dia em que a pessoa não suportar mais a solidão e clamar por socorro.

  Certo, digamos que esse melancólico ser quer ser ajudado, como fazemos?

  Doe amor, muito amor, à exemplo de Jesus que ensinou-nos a amar para curar nossas imperfeições. Faz o evangelho no lar, educa, partilha, mostra que atitudes como as anteriores não ajudaram-na em em nada, mas que a mudança se faz necessária e que só depende dela mesma. E principalmente, tende paciência, pois é difícil para quem viveu a vida inteira tentando chamar a atenção, descobrir que tudo o que precisava era reeducar suas atitudes e pensamentos.

  O único que merece ser o centro das atenções é Deus, pois nem Jesus se fez maior do que o Criador, pelo contrário, o grande mestre sempre se julgou ser o último de nós, o mais humilde e simples. Lembre-se daquela parábola bíblica do homem que se sentou à mesa no melhor lugar, Jesus nos ensinou que podemos ser humilhados se sentarmos no lugar que não nos é devido e, para que isso não aconteça, devemos nos sentar no último lugar para que então o anfitrião nos convide a sentar próximo dele.

quarta-feira, 15 de maio de 2013

Todo dia é dia de brilhar!


  Que maravilhosa lição Deus nos dá todos os dias usando o sol do dia e a sombra da noite. O sol nasce, eleva-se ao céus percorrendo toda a sua extensão e se põe humildemente para dar lugar à lua. No dia seguinte, o sol esquece a sombra, deixa as mágoas, dúvidas, medos para traz e brilha mais uma vez, dia após dia, incansavelmente como exemplo de luta para toda a humanidade.

  Temos que ser assim, incansáveis batalhadores contra nossas imperfeições. Guardar remorso, mágoa não nos permitirá brilhar, pelo contrário, irá apenas ofuscar-nos. Temos tanta luz, somos capazes de alegrar um ambiente com nossos sorrisos, com nossas palavras gentis, com um simples bom dia e um abraço carinhoso.

  Não percamos tempo vivendo na sombra, pois nela não somos vistos, ficamos sozinhos, abandonados. Ninguém se aproxima daqueles que vivem mau-humorados. Ninguém quer a companhia daqueles que são rabugentos. A triste vida de uma pessoa que vive assim só mudará se ela quiser voltar a brilhar e, para isso, Deus nos dá a cada amanhecer uma nova oportunidade, à exemplo do sol que nasce sempre, não importa o que aconteça.

  Haverão sempre os dias de tempestades, a vida é turbulenta justamente para o nosso aprendizado, pois se fosse um mar de rosas, suave e perfumado, não haveria nada além da monotonia. Por pior que seja a tempestade do dia que tu vives, lembra-te sempre de que não há tempestade que possa ocultar o sol para sempre e que cedo ou tarde tudo vai passar e a luz na tua face voltará.

  Tende fé, caminha sorridente, sê luz para os que te acompanham, sê luz para os que te agridem, sê luz para que você mesmo se sinta feliz!

terça-feira, 14 de maio de 2013

A Felicidade está mais perto do que você imagina!


  A consciência do ser humano independe de religião, independe de educação, independe de nacionalidade. Ela é única em cada um de nós, pois ninguém pode transferir sua consciência para o outro, no entanto ela tem algo em comum entre todos os humanos que é a existência dos mandamentos de Deus gravados no nosso subconsciente.

  Você já se perguntou por que você repudia uma determinada ação mesmo sem nunca terem lhe dito que aquilo é errado?

  Isso se deve ao fato de que Deus criou o espírito com os mandamentos embutidos nele. Sabemos que é errado matar, roubar, cometer adultério, falar mal de alguém entre outros erros comuns na nossa sociedade, mas não é porque temos essa consciência que não iremos cometer esses erros.

  A consciência é o seu alarme, o seu alerta. Ela não lhe impede de puxar o gatilho, mas lhe faz lembrar naquele exato instante de que haverão consequências sérias para a sua atitude. E mesmo após o ato, ela irá lhe cobrar, porque lhe avisou e você não quis ouvi-la.

  Visando o melhor para cada um de nós, Deus nos presenteou com a consciência, uma companheira de respeito, de admiração e de conversa. Quando meditamos, nos ligamos diretamente à ela. Quando silenciamos nossa voz agitada do dia à dia, entramos em comunhão com o nosso "eu" interior.

  Quando dizemos que a felicidade existe em nós, é justamente porque se ouvirmos os conselhos da consciência, estaremos ouvindo os ensinamentos de Deus e portanto, fazendo o que é bom aos olhos do Criador.

  Não adianta buscar a felicidade nas coisas materiais, pois ela é ilusória e passageira. A felicidade está dentro de nós, pois ficamos felizes quando fazemos o que é bom, quando andamos no caminho dos retos e dos justos, quando podemos deitar a cabeça sobre o travesseiro e ter uma noite de sono tranquila, sem que a consciência nos acuse do mal praticado durante o dia.

  Feliz é aquele que descobre a felicidade dentro de si, pois foi lá que Deus decidiu residir.

segunda-feira, 13 de maio de 2013

Você quer ser uma pessoa bem sucedida?


  A tabela acima não é perfeita, porque se fôssemos enumerar todas as características de uma pessoa sucedida e uma não tão bem sucedida, talvez venhamos a ficar algumas semanas montando a tabela. Mas ela nos traz uma noção de pontos importantes que nos mostram como essas pessoas chegaram ao sucesso.

  Ao sentir gratidão pelo que os outros nos fazem de bom e principalmente pelo que Deus nos faz de bom, estamos demonstrando humildade e reconhecimento, pois ninguém tem obrigação de nos ajudar.

  Ao perdoar estamos jogando fora aquela mágoa que só iria nos atrapalhar na busca pelo sucesso, porque eu nunca ouvi falar de alguém que conquistou a felicidade sentindo mágoa dos outros.

  Assumir seus próprios erros é o mesmo que dizer para si próprio: eu errei, eu consertarei e eu procurarei melhorar a minha imperfeição! Assim você estará evoluindo e abrindo portas para o sucesso.

  Se alegrar com as conquistas dos outros, dar os parabéns é importante também, pois subir sozinho na vida não tem graça. O bom de se ter sucesso em algo é justamente o de se ter bons amigos para poder compartilhar os momentos de alegria.

  Se concentrar em como criar e melhorar as coisas ao seu redor é muito mais produtivo do que falar mal dos outros. Quem tem tempo para fofocar, perde tempo de criar e com isso vê oportunidade indo embora.

  Interrogar o seu coração a cerca de suas vontades irá lhe mostrar se você é bondoso e humilde ao ponto de querer o bem do seu próximo ou se ainda é mesquinho e egoísta ao ponto de no seu íntimo desejar a queda daqueles que como você só querem encontrar a luz do sucesso na vida. Todos têm esse direito, portanto reflita sobre seus pensamentos mais íntimos, interrogue a sua consciência.

  Quem guarda informação consigo vai com ela para o túmulo, não ganha nada com isso, prejudica os outros e ainda sentirá remorso de ver a lambança que fez durante a vida. Acaso Jesus, o seu maior exemplo, lhe escondeu as verdades sobre o caminho para conquistar o reino dos céus ou Ele foi o primeiro a lhe estender a mão e lhe dizer venha ouvir a boa nova?

  Quem tem bondade no coração emana pelo seu espírito a vibração do amor e da paz, da alegria e da fé. Infelizmente os que são orgulhosos, egoístas e revoltados emanam vibrações que não agradam as pessoas ao seu redor. Basta ver pelo tipo de companhia que te rodeia, já dizia o bom ditado: diga-me com quem andas e direi quem és! Os espíritos afins andam em grupos. Quem tem o mesmo interesse pela bebida alcoólica, bebe junto, quem tem interesse por roubos, rouba junto, quem tem interesse pela caridade, ama junto!

domingo, 12 de maio de 2013

Mãe, carinho e amor que Deus criou para acolher os recém encarnados!

  Hoje compartilho com todos uma linda homenagem de Meimei ao dia das mães. As mães são figuras importantes na vida de cada um de nós. Elas nos compreendem, nos amam como somos, nos protegem, nos encorajam e dão suas vidas por nós.

  Nesse amor tão sincero que a mãe tem pelo seu filho(a), temos que buscar exemplos de como amar o próximo, de como respeitá-lo, de como ajudá-lo em seu progresso. A mãe é a transformação do ser humano em amor sublime por vontade de Deus.

  Feliz é aquela mãe que aceita a difícil missão de receber um espírito em sua família, de amá-lo independente dos laços que traz do passado, de perdoá-lo pelas suas malcriações e de ter paciência para educá-lo.

  Ser mãe é uma das tarefas mais sublimes que podemos pedir a Deus, uma vez que é um ato de dedicação de puro e humilde amor ao próximo.

  Curtam a dedicatória no vídeo abaixo disponível em http://www.serenaluz.com no link Vídeo_86


sexta-feira, 10 de maio de 2013

Naquele momento em que você se revolta por estar em dificuldades

  As dificuldades da vida costumam nos encaminhar para a tristeza da alma. O crente sem fé tende a ser mais suscetível a esse mal do que aquele que tem a força da fé em Deus.

  Todos os dias, para essas pessoas, levantar da cama parece difícil, alimentar-se com o pão amanhecido e duro parece um sacrifício, ir trabalhar com aquele chefe chato parece um martírio.

  Mas nós reclamamos demais. Deus não dá um fardo maior do que aquele que você é capaz de carregar. Mesmo que você ache que os outros tem sorte e você só tem azar, mesmo que você ache que você merece mais do que o outro por ele não ser tão bom como você, não é o outro que está errado, é você.

  Temos mais do que necessitamos para prosseguir na vida e mesmo assim não nos cansamos de buscar cada vez mais a realização de nossas ambições tão prejudiciais para nossas vidas. Não é errado querer evoluir, mas é errado não se contentar com o que se tem. É possível progredir, estudar, trabalhar e melhorar, mas para isso não é preciso se revoltar com a sua situação de agora, pois ela é exatamente o que você necessita para aprender a lição.

  Convido-os a refletirem sobre esse vídeo, pois ele é muito inspirador quanto ao "não desistir" da vida.

  O vídeo está disponível em http://www.serenaluz.com no link Vídeo_88

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Um jardim de flores dentro do coração


  As flores inspiram a paz, perfumam a brisa suave que toca nossas faces, embelezam jardins natureis, verdadeira pinturas de Deus e trazem delicadeza às criaturas de certa aspereza.

  Se houvesse o verbo florescer dentro de cada coração, a beleza da vida perfumaria a alma, embelezaria o corpo e irradiaria delicadeza nas palavras.

  Temos tanto a aprender com a natureza e com as flores não é diferente. Elas resistem ao tempo chuvoso, ao sol escaldante, às pedras que rolam colina abaixo, aos animais que nelas pisam sem se importar. Assim precisamos ser, firmes para sobreviver neste mundo que não é um mar de rosas, mas sim uma escola de evolução.

  Podemos ser fortes como é a flor e ao mesmo tempo sermos delicados como é o seu perfume, agradando aos que nos cercam diariamente, usando de palavras tão suaves quanto são as pétalas macias e coloridas.

  Florescer é deixar o mau-humor de lado, encarar a vida com um sorriso bem largo, aproveitar o que há de bom mesmo nos momentos mais difíceis.

  Como é belo o exemplo que Deus nos dá em um ser considerado apenas orgânico e irracional pela humanidade, mas que faz mais bem a mim do que muitos homens ditos racionais. Basta você mesmo refletir sobre essa pergunta: O que é mais agradável de se ver, um campo florido ou uma multidão de pessoas atravessando a rua na correria do dia à dia?

  E a flor tem algo em especial que temos que observar com atenção, é a sua raiz que se firma no solo como a fé que se firma em Deus. A raiz não só segura a flor, mas a nutre com alimentos que a fazem crescer, assim como a fé que nos firma na vida e nos nutre com a esperança de dias melhores e progresso na humanidade.

  Sigamos então o conselho do cartaz na foto assim e, portanto, flores seremos e o mundo florescerá!

quarta-feira, 8 de maio de 2013

Onde come um, comem dois ou mais, basta saber dividir!


  Lindos ensinamentos costumamos receber de nossas mães e um dos que mais nos faz bem é o de aprendermos a compartilhar o que temos com quem não tem.

  Lembro que desde pequeno ganhei brinquedos caros e bonitos, mas não tinha amigos com a mesma oportunidade de brincar com tais brinquedos e se eu tivesse agido com egoísmo e recusado partilhar o que tinha, eu posso afirmar que não teria amigos na infância.

  É muito triste vermos uma pessoa egoísta, ela vive sozinha, no mundinho dela, sem companhia, cercada de tralhas que julga ser mais importante do que tudo na vida. Nem mesmo Deus é egoísta, porque se observarmos bem, o Criado fez um mundo inteiro cheio de belezas e partilhou para todos nós, sem exigir nada de nós, apenas nos concedeu para usufruirmos. E olha que estamos mesmo fazendo uso, muitas vezes até indevido, destes recursos a nós ofertados.

  O Cristo também deu exemplos de partilha, pois mal tinha comida para si próprio e fazia com que pães e peixes saciassem centenas de famílias que o seguiam. Pessoas maltrapilhas, sem educação, pobres do corpo e pobres da alma, mas todos eram vistos com bons olhos como sendo irmãos de Jesus, por isso o grande e sábio Mestre de todos nós dividiu comida, conhecimento e amor. Jesus dividiu muito amor com todos.

  Dividir é ser humilde, é saber viver em harmonia com a sociedade, dividir é lição que vem de mãe para filho, que deve ser passada adiante como exemplo para mudarmos esse mundo para um mundo melhor.

  E você? Já dividiu hoje alguma coisa boa com alguém? Está esperando o que? ;)

terça-feira, 7 de maio de 2013

A quem devo conceder o perdão? Não seria eu quem precisa dele?


  Como cobrar de alguém aquilo que não consigo fazer? Como deixar de perdoar alguém se eu também posso vir a cometer o mesmo erro?

  Seria indigno de minha parte agir assim com o meu próximo, achando que ele tem que ser a máxima perfeição da criação Divina, quando eu que sou como ele de carne e osso também sou falho.

  Não poderei pedir perdão se eu não for capaz de perdoar. Jesus, irmão, mestre e amigo e de toda a humanidade já dizia a mais de 2.000 anos atrás: "antes de pedir perdão a Deus, vai e reconcilia-te com o teu próximo".

  O perdão não é simples, não é fácil de se obter e nem de se doar, mas é imprescindível para o nosso crescimento moral. Por meio do perdão aprendemos que não nascemos para mudar os outros, mas sim a nós mesmos. É compreendendo as falhas alheias que nos deparamos com as nossas próprias falhas, as quais muitas vezes não enxergávamos diante da cegueira causada pelo véu do orgulho em nossas pupilas.

  Bendito é aquele que perdoa e que vive com um coração sem mágoas, pois este vive em plena paz.

  Perdoe a tudo e a todos, independente do número de vezes que lhe ofenderem, pois não cabe ao homem ser juiz, tão pouco acusador, mas seremos sempre réus de nossas imperfeições até o dia em que aprendamos a ser puros de coração como é o verdadeiro Cristão.

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Determinação e esforço geram retorno


  A cada dia vivemos uma nova batalha, damos um novo passo, avançamos mais um pouco na direção de nossas metas. As vezes demora para chegarmos lá, mas se a cada dia prosseguirmos nem que seja um pouquinho, então um dia chegaremos.

  Quem para de tentar, nunca vai chegar. Quem desiste nunca conquista. O sucesso vem para os persistentes, para os destemidos, para os que tem fé!

  Ninguém disse que seria fácil, tão pouco que cairia de bandeja no seu colo. Há esforço para tudo nessa vida, para comprar um carro, para comprar uma casa, para conquistar um amor, para crescer, para ter conhecimento... Tudo requer dedicação.

  O importante é não desistir, pois um dia chegará a hora de conquistar suas metas. Tentar, tentar e prosseguir. Se Jesus tivesse desistido de nós só porque acordou de mau-humor e numa segunda-feira acinzentada, então toda a humanidade estaria em meio ao caos da falta de amor. Bendito é o Cristo que nos amou mesmo quando nós não o amávamos.

  Se Jesus que tinha a tarefa mais árdua de todas não desistiu de mim e nem de você, então por que você está ai jururu e reclamando das dificuldades da vida? Lute irmão, lute com as forças que você tem e vencerás. Estude, trabalhe, ame e verás que tudo irá se construir e se desenhar ao longo da vida, diante dos teus olhos, como o homem que obtém o sucesso pelo esforço digno e honesto.

  Se a flor pode nascer em meio a rochas, então você pode florescer em meio as dificuldades da vida!

sábado, 4 de maio de 2013

Restaurada a fé na humanidade

  O título deste vídeo é "restaurada a fé na humanidade" e ele é um compilado de gentilezas, coisas lindas de se ver, apreciar e compartilhar.

  A caridade não é um ato para ser exibido para se exaltar o orgulho próprio, mas deve ser exibida para exemplificar o que é bom para todos nós fazermos.

  Vale muito, mas muito mesmo a pena assistir este magnífico vídeo!


Vídeo disponível em http://www.serenaluz.com no link Vídeo_87

sexta-feira, 3 de maio de 2013

As tendências que nos impedem de evoluir


  Por mais que nos esforcemos em fazer o que é certo, nossas imperfeições sempre acham uma tentação para nos desviar do caminho. As vezes nos perguntamos: por que não há solução para a fome, miséria, doenças e violência? Porque aqueles que estão encarregados de resolver tais problemas acabam sucumbindo a tentação por estarem rodeados de pessoas que gananciosamente não desejam ver o fim dos males que sofremos.

  Quando Jesus por aqui passou e lutou com palavras de amor contra o mal da humanidade, Ele teve ao seu redor diversos inimigos que não desejavam que as pessoas entendessem o caminho da caridade. Para eles era preferível ver o povo ignorante e temente, pois assim sempre os teriam na palma da mão e tudo o que desejassem a eles, inimigos do Cristo, seria ofertado como forma de se libertar do suposto mal sofrido. O problema que Jesus não temeu seus inimigos e segui adiante independente do que lhe fosse acontecer, dando sua vida por aqueles que Ele nem conhecia, mas amava.

  O que podemos fazer então para mudar a situação do nosso mundo?

  Seguir o exemplo do Cristo!

  Não lhe parece óbvio que não há caminho melhor do que o do amor e da caridade? Que temos que ensinar as pessoas, filhos, amigos e parentes a amar?

  E como podemos fazer isso se cada um de nós não nasceu para forçar o outro a mudar, mas sim para mudar a si próprio?

  Mais simples ainda, fazendo mais uma vez o que o Cristo ensinou: DAR EXEMPLO!

  O filho não faz o que os pais fazem? Em grande parte das situações sim, pois o exemplo moral dos pais é forte indício de mudança de conduta da criança. Mas a criança possui um espírito que tem vontade própria e nem sempre concordará com os exemplos paternos, é verdade, mas se o exemplo for bom e a criança tiver tendências ruins, os exemplos a ajudaram ao menos a refletir sobre o certo e o errado.

  Quando você joga lixo nas ruas, seu filho aprende que isso é correto, ou mesmo que veja em algum lugar que é errado ele vai pensar que não faz mal, pois se o pai não foi punido, então por que o filho seria?

  O exemplo é o melhor caminho para nos ajudar na educação e na construção de um mundo melhor. Libertaremo-nos da ganância, do orgulho e de tantas outras imperfeições se juntos praticarmos os ensinamentos Cristãos, doando amor por meio da caridade, fazendo ao próximo aquilo que sabemos que fará bem a ele e que gostaríamos que fizessem a nós.

  Ficar sentado na cadeira assistindo as pessoas se matarem não ajuda em nada, mas dar exemplo ajudará e muito.

  Não precisamos ser os salvadores do mundo, mas se cada um fizer um pouquinho que seja, a união desse pouquinho de cada um se tornará muito mais do que podemos contar.