quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Alegra-te pelo fim do cativeiro.


"Leitura bíblica: Salmo 126,1-4
(vs. 1-3)
Quando o Senhor trouxe de volta os exilados de Sião, Maravilhas o Senhor fez por nós, encheu-nos de alegria.

Teu espírito será para sempre livre. Ele não pode ser reduzido à escravidão nem cair em condenação enquanto permites que o Espírito Santo guie a tua vida.

Acorda! A porta está aberta. “Levanta-te e segue-me” são as palavras que os ouvidos adormecidos precisam escutar. Alguns estão tão afundados no desespero que nem conseguem ouvir a mensagem de libertação que lhes é dirigida. Então aproveita e escuta-me agora!

Tenho feito grandes coisas por ti. Alegra-te. Que tua boca sorria e tua língua cante. Alegra-te no meio dos que querem te ver escravo, pois eu já te libertei. Que tua alegria seja motivo de espanto para teus inimigos."


  O texto acima nos fala sobre a libertação que tanto temos buscado, mas a libertação de que exatamente se não somos mais escravos? Ou será que ainda somos?

  O espírito está preso ao corpo físico para exercício de seu aprendizado e consequente progresso de seu estado moral e intelectual, mas você já percebeu como as posses materiais ainda causam preocupação, medo e perturbação? Pois bem, esse é um dos itens que Deus está nos ajudando a libertarmos-nos.

  A palavra trazida pelo mestre Jesus é alimento para a alma se fortalecer e se preparar para esse processo de desprendimento. Um espírito ainda pobre de conhecimento terá poucas chances de sucesso, porque a luxúria ainda o tenta, a inveja o corrói e a vaidade lhe aguça o sentido podre de viver com orgulho.

  Essa libertação pela porta aberta, o caminho que Jesus apontou, é imprescindível para que a humanidade siga em frente na escalada evolutiva. Estacionar já não é mais uma opção, é preciso reagir, é preciso buscar mudanças dentro de si próprio. Esqueça o seu vizinho, corrija a ti mesmo. Há muita bagunça na tua própria casa e muito trabalho na tua oficina do coração, para que percas tempo tentando ver os problemas dos outros. A reforma íntima é necessária e se faz urgente, os tempos da regeneração deste planeta estão chegando e a cada dia as reencarnações ficam mais difíceis, então, por que esperar?

  Enquanto há os que preferem se manter ligados às coisas terrenas, não te iludas, pois para eles é conveniente que você também fique. Mas Deus chama-nos a todo instante, acordemos para o chamado, limpemos nosso coração da maldade que ainda aqui habita e deixemos caminho livre para que o sopro divino se faça sentido em nossas vidas, libertando-nos das amarras do egoísmo, do preconceito, do orgulho e nos deixando mais leves para um voo de liberdade experimentarmos pela primeira vez.

  Todos podemos atender o chamado, mas nem todos queremos. E você, o que quer fazer de sua vida?

Nenhum comentário:

Postar um comentário